Histórico

Gentílico: neomodicano

Histórico

Partindo de Itambacuri a procura de um local ideal para fundar uma Colônia Italiana, o padre Capuchinho Frei Gaspar de Módica, passou por São Pedro(hoje Pescador), e abrindo caminho pela mata, alcançou um Córrego que denominou São Jorge, e ali acreditou ter encontrado o local procurado.
Frei Gaspar de Módica havia conseguido do Estado, a posse de 4.000 alqueires de terras, que seriam distribuídas aos colonos, para o cultivo de café. Assim, em 1927, chegando ao local demarcou o terreno para a fundação de um povoado. O local receberia o nome de Nova Siracusa, ou Barracão, mas como não foi possível a vinda dos Italianos, ficou mesmo conhecido por São Jorge, devido estar à margem do córrego de mesmo nome
Os primeiros habitantes de São Jorge foram as famílias de Filomeno Cardoso de Araújo, Domingos Antônio Gonçalves e alguns membros da família Leal, que ali se estabeleceram, desbravando a região, até que, um pouco mais tarde, Frei Gaspar de Módica determinou a abertura da estrada São Pedro ? São Jorge, possibilitando a vinda de novas famílias, surgindo, assim o povoado. Mais tarde, em 1953, com elevação a distrito, o povo resolveu reconhecer o trabalho de Frei Gaspar de Módica, denominando o distrito de Nova Módica, em homenagem a seu fundador.

FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA:

Dr. Salvino Otoni, então prefeito de Itambacuri, propôs a elevação do povoado a distrito com o nome de Nova Módica, tendo sido elevado pela Lei nº 1.039, de 12 de dezembro de 1953, com território desmembrado do distrito de Pescador(ex. São Pedro). Pela Lei nº 2.764, de 30 de dezembro de 1962, o distrito de Nova Módica foi elevado a município, com território desmembrado do município de Itambacuri.

FORMAÇÃO JUDICIÁRIA:

O município de Nova Módica está sob jurisdição da Comarca de Itambacuri, de 2ª entrância, desde sua emancipação.

TURISMO E EVENTOS:

Embora não ofereça grande atração turística, Nova Módica vem realizando, sem maiores pretensões, a tradicional Vaquejada, recebendo inscrições de vaqueiros de várias regiões, principalmente dos municípios vizinhos. A Vaquejada de Nova Módica ainda não tem data fixa, variando a cada temporada, de acordo com o entusiasmo dos vaqueiros. Consiste em uma competição de duplas, cada vaqueiro coma sua montaria. Normalmente são utilizados novilhos ágeis. Ao abrir-se a porteira, o novilho corre em disparada, entre dois vaqueiros montados, sendo que o da direita lhe incita a correr e o que está à esquerda deve segurar o novilho pela cauda, derrubando-o dentro das faixas demarcatórias, que servem para contagem de pontos. Vence a dupla que somar maior número de pontos.
A população de Nova Módica também festeja o Carnaval, as festas juninas, o 7 de setembro e o Natal, além da Festa do Padroeiro São Jorge, ocasião em que são montadas barraquinhas e se realizam leilões de prendas oferecidas pelos fiéis ao Santo Padroeiro.

Fonte

IBGE